Projeto Maré Olímpica – Empresas residentes e Parque Tecnológico UFRJ

Publicado por em Tue, 16 Apr 2019 16:13:53 +0000

Por João Freire Ribeiro, Diretor da Assespro-RJ e Sócio da Neopath


O Projeto Maré Olímpica é uma iniciativa das empresas residentes do Parque Tecnológico UFRJ com o apoio da administração do Parque, liderado pela empresa NEOPATH, associada da Assespro-RJ, e tem o propósito de incentivar o desenvolvimento da matemática pelos alunos das escolas municipais localizadas na Maré, através da promoção do desenvolvimento pelo aluno de uma visão positiva de futuro com o aprendizado da matemática.


O projeto é desenvolvido a partir do contato com a 4ª CRE, responsável pelas escolas da Maré, solicitando informações sobre os alunos participantes nas duas provas que compreendem as Olímpiadas de Matemática – OBMEP.


Com a definição do total de alunos e quais tenham recebido premiação na OBMEP, o Comitê Organizador providencia o transporte– neste ano o Instituto SENAI CETIQT patrocinou os onibus, e planeja a visita desses alunos, dos responsáveis dos alunos premiados na OBMEP e representates das escolas, ao Parque Tecnológico da UFRJ, onde são recebidos com um lanche de boas-vindas em uma cerimônia de homenagem aos alunos premiados na OBMEP, junto com os seus responsáveis, professores e diretores das escolas premiadas.


Em seguida a homenagem na cerimônia de boas-vindas, os alunos percorrem o espaço do Parque Tecnológico em visitas organizadas por empresas participantes do projeto, com a apresentação do uso da matemática no seu dia a dia de pesquisa e desenvolvimento de produtos. Neste ano a Halliburton e a Dell receberam os alunos para a visita.




 

Ao final dessas visitas, os alunos retornam ao auditório do Parque para uma apresentação do uso da matemática pelas empresas startups–neste ano a Lemobsrealizou a apresentação. O encerramento da visita se dá com o agradecimento pela presença de cada um deles e distribuição de certificado de parabenização pela participação nas duas etapas da OBMEP, em meio a refrigerantes e salgadinhos.



Os recursos para o desenvolvimento deste projeto são obtidos por meio da doação do tempo e recursos financeiros dos colaboradores e das empresas do parque– neste ano as empresas e colaboradores da NEOPATH, INOVAX, Halliburton, Dell EMC, Schlumberger, Promec, Twist, Lemobs, CETIQT e Parque Tecnológico UFRJ confribuiram com o projeto.


Esse projeto teve início no ano de 2017, resultando na premiação de um aluno com Menção Honrosa. Em 2018, este número passou para cinco alunos com Menção Honrosa, que foram homenageados nessa visita.


Estamos torcendo para que em 2019 tenhamos muitos outros premiados na OBMEP para serem homenageados na próxima visita, ao início do ano letivo de 2020!